Home
Sobre Antonio Miranda
Currículo Lattes
Grupo Renovación
Cuatro Tablas
Terra Brasilis
Em Destaque
Textos en Español
Xulio Formoso
Livro de Visitas
Colaboradores
Links Temáticos
Indique esta página
Sobre Antonio Miranda
 
 


 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Foto: http://jornalismo.iesb.br/

 

 

 

MAURO ROCHA

 

( Brasília – Distrito Federal – Brasil )

Mauro Rocha, brasiliense de coração, nasceu em 14 de novembro de 1970 na cidade de Teresina, Piauí. Membro fundador da Academia Cruzeirense de Letras, da qual é o Vice-Presidente 2018-202º - 2014-2015. 
Participou de vários concursos literários, entre eles: Declame par Drummond; Festival online de poesia autoral 2020 – 10 anos. Coletânea Cantos das Pedras e das Flores – Editora Kelps/ 2016, Concurso Nacional Novos Poetas Sarau Brasil – Editora Vivara/ 2015; XVII Antologia Poética de Diversos Autores – Vozes de Aço – Editor PoeArte
ROCHA, Mauro. Curta poema curto.   Brasília: Editora Art Letras, 2020.  92 p. 
ISSN 978-65-88283-12-7.    ROCHA, Mauro. Curta poema curto.   Brasília: Editora Art Letras, 2020.  92 p. 
ISSN 978-65-88283-12-7.   
2015; II Prêmio Literário Escritor Marcelo de Oliveira Souza e Antologia Literária Noel Rosa em Poesis 2011 (Litteris Editora) e
6º. Concurso Nacional e Internacional de Contos e Poesia "Poeta Nuno Álvares Pereira 2004 (Editora Valença S.AS.),
IV Concurso Literário Internacional de Poesias e Crônicas em português e espanhol da Associação Artística e Literária
"A Palavra de Século XXI"2001, o 4º Concurso Nacional e Internacional de Contos e Poesia "Poeta Nuno Álvares Pereira"/1999 (Editora Valença S/A) entre outros.
Com uma poesia de temáticas cotidianas dentro de uma liberdade linguística, o verso livre, Mauro Rocha faz a poesia do dia.

 

 

 

PÉRGULA LITERÁRIA.  Poesias vencedoras do VI Concurso  Nacional de Poesias
“Poeta Nuno Álvaro Pereira”.  
Valença, RJ: Editora Valença, 2004. 202 p.                                                       

   Ex. bibl. Antonio Miranda

 

V E S T E

Dormiste
com a loucura esbravejante
numa noite alucinante
do sonho que não tivera

       Quimeras
conhecer teu semelhante
e todos os desejos cortantes
que a vida depusera

Quem era
o amante da noite
que se misturava com a lua
em seus sonhos errantes

       Antes
quisera ser apenas
um anjo de braços abertos
para uma queda livre

Vive
dos delírios diurnos
dos anéis de Saturno
que tiveste

       Sente
o pulsar de uma vida
o beijo da despedida
na solidão que te esquece

Veste
teu corpo em tua alma
a dor que te acalma
na brisa leste

       Diga ao mundo que não foi nada
O amor é uma risada
que com o dia anoitece...


ROCHA, Mauro. Curta poema curto.   Prefácio: André Coelho. Brasília: Editora Art Letras, 2020.  92 p.  ISSN 978-65-88283-12-7.  
                                                               
Ex. bibl. Antonio Miranda

 

Imagens

Elefantes atravessa a sala
Rinocerontes rondam o jardim
Ou é um sonho ou invadimos
Todas as floresta sem fim...

 

Deserto

Rasgo os poemas
Coloco fogo nos verbos
E da cinza que se cria transformo em fênix
A vida que hoje levo


Cinza Claro

Não sou Dalí
Nem sou daqui
Com certeza sou
Tudo que perdi.

 

Transcendental

O vento levou meu grito
Por pura rebeldia
Fico agora em silêncio
Com a minha agonia.


Face

Teu rosto
Face a face
Sempre em disfarce.


Tic Tac

O tempo está por um fio
O fio está por uma navalha
A navalha está por um cio
O cio da terra molhada.

*

Página ampliada em junho de 2022

 

 

 

 

 

*

 

VEJA e LEIA outros poetas do DISTRITO FEDERAL em nosso Portal:

http://www.antoniomiranda.com.br/poesia_brasis/distrito_federal/distrito_federal.html

 

Página publicada em novembro de 2021


 

 

 
 
 
Home Poetas de A a Z Indique este site Sobre A. Miranda Contato
counter create hit
Envie mensagem a webmaster@antoniomiranda.com.br sobre este site da Web.
Copyright © 2004 Antonio Miranda
 
Click aqui Click aqui Click aqui Click aqui Click aqui Click aqui Click aqui Click aqui Click aqui Click aqui Home Contato Página de música Click aqui para pesquisar